Minas Gerais

Área 586.528km²
(7% do território nacional)
Habitantes 19.237.450
(10,6% da população nacional)
Capital Belo Horizonte

Minas Gerais

Minas Gerais

Fundada em 1702, a cidade batizada com o apelido do mártir da Inconfidência Mineira (nascido em uma fazenda da região) alia a preservação do patrimônio arquitetônico à exploração do turismo, já que boa parte de seus prédios históricos foi convertida em pousadas, lojas, restaurantes e cafés.

Com pouco mais de 6,5 mil habitantes, Tiradentes vive basicamente da renda trazida pelo turismo, fato que a levou a desenvolver boa estrutura de hospedagem (com 3,5 mil leitos) e de gastronomia (são cerca de 70 bares e restaurantes), além de uma vida noturna agitada nos fins de semana, quando o fluxo de visitantes aumenta. É também sede de eventos como o Festival Internacional de Cultura e Gastronomia, o Encontro de Harley Davidson e a Mostra de Cinema.

As igrejas e museus são os atrativos culturais mais importantes. Entre os bons programas na região estão o passeio em uma maria-fumaça até a vizinha São João del-Rei e uma visita à Serra de São José, destino muito procurado por praticantes de ecoturismo.

Tiradentes e região

Principais Atrativos

Igreja Matriz de Santo Antônio

Construída entre 1710 e 1752, é um dos principais monumentos do barroco mineiro. Os destaques são os altares em estilo Dom João V, o coro decorado com guirlanda de flores douradas e o órgão rococó, de 1788. O projeto da fachada, refeita em 1810, é atribuído a Aleijadinho. Rua da Câmara. Diariamente, 9h às 17h. Roteiro narrado: sexta, 20h; sábado, 20h30; domingo e feriados, 20h.

Igreja Nossa Senhora do Rosário

Considerada a igreja mais antiga de Tiradentes, foi erguida provavelmente em 1708, pela Irmandade dos Homens Pretos. Possui pinturas no teto e imagens de santos negros nos dois altares laterais. Praça Padre Direita, Centro. Terça a domingo, 9h às 17h.

Igreja de Nossa Senhora das Mercês

Construída na segunda metade do Século XVIII, possui interior em estilo rococó. Largo das Mercês, Centro. Domingo, 9h às 17h.

Capela de São Francisco de Paula

Erguida no alto de uma colina, oferece vista panorâmica da cidade. Largo de São Francisco (Rua Nicolau Panzera), Centro. Domingo, 9h às 11h30.

Santuário da Santíssima Trindade

A igreja foi construída em 1810 em substituição à primitiva capela, de 1776, com interior simples. O local passou a atrair romarias e foi elevado a santuário em 1962. Praça Padre José Bernardino. Diariamente, 8h às 17h.

Museu Padre Toledo

A antiga casa de padre Toledo, um dos articuladores da Inconfidência Mineira, serviu de local para as reuniões do movimento. Destaque para os forros pintados, obras de Mestre Ataíde e uma bandeira do Brasil Império com fios de prata. Rua Padre Toledo, 190, Centro. Terça a domingo, 9h às 16h.

Museu de Arte Sacra

O museu está instalado no prédio onde funcionava a antiga cadeia, erguida por volta de 1730. A construção foi destruída por um incêndio em 1829 e reconstruída em 1833. O museu foi inaugurado em 1989, com peças doadas de coleções particulares. Rua Direita, s/ n°, Centro. Diariamente, 12h às 17h.

Museu de Carros Antigos

Instalado no sítio do colecionador Rodrigo Cerqueira Moura, o museu abriga cerca de 30 automóveis, fabricados entre 1930 e 1960. Estrada para o distrito de Bichinho. Quarta a domingo, 9h às 18h.

Chafariz de São José

Construído em 1749 para abastecer a cidade com água potável – que continua limpíssima –, o chafariz tem três fontes e imagem de terracota de São José de Botas. Largo do Chafariz.

Bosque Mãe d'Água

Abriga a nascente que abastece o Chafariz de São José. Apresenta trechos de vegetação remanescente da Mata Atlântica e um aqueduto de pedra construído no Século XVIII. Largo do Chafariz. Quarta a domingo, 7h às 16h.


Voltar

Tiradentes e região

Atividades

Maria-fumaça

O passeio até a cidade de São João del-Rei é uma viagem ao passado. Inaugurado por Dom Pedro II em 1881, o trem percorre 12 km pela Serra de São José, margeando o rio das Mortes em locomotivas a vapor. O percurso é feito em 35 minutos e somente nos fins de semana e feriados. Estação Ferroviária, na entrada da cidade, às margens do rio das Mortes. Sexta a domingo e feriados, 13h e 17h. Retorno às 15h.

Serra de São José

Operadoras locais oferecem passeios guiados pela Serra de São José, uma área de proteção ambiental. Os visitantes podem escolher entre cavalgadas, rapel, mountain bike, passeios de jipe ou caminhada até o topo da serra.

Estrada Real

Primeira ligação entre o litoral e o interior do país, a Estrada Real começa em Paraty, no litoral Sul fluminense, atravessa o estado de São Paulo e segue em direção às cidades de Ouro Preto e de Diamantina, seu ponto final, no Norte de Minas Gerais. Por 150 anos foi usada para escoar o ouro e o diamante descobertos na região. Uma rota posterior encurtou o caminho entre as minas e o porto do Rio de Janeiro. A estrada passa por 177 municípios – Tiradentes é um deles. O distrito de Bichinho, pólo de artesanato local, faz parte da rota e o acesso a ele é feito por estrada de chão.

Trilha dos Inconfidentes

Operadoras oferecem passeios nos caminhos trilhados pelos homens que lutaram pela independência do Brasil. Cavalgar na estrada centenária, passando por antigas fazendas e serras, é uma das opções.

Gruta Casa da Pedra

Localizada à margem esquerda do rio das Mortes, entre Tiradentes e São João del Rey, na BR-265, é uma gruta de formação calcária, com estalactites e estalagmites. A visita monitorada dura 40 minutos. Possui cinco circuitos de rapel.


Voltar

Tiradentes e região

Eventos

Festival Internacional de Cultura e Gastronomia

Criado em 1988, o festival tem importante participação no movimento turístico da cidade. Realizado anualmente em agosto, reúne, durante dez dias, chefs de diversas partes do mundo.

Mostra de Cinema de Tiradentes

É um dos principais eventos cinematográficos do país. Realizada em janeiro, abre o calendário de festivais cinematográficos nacionais.

Encontro de Harley Davidson

Realizado há mais de 10 anos em junho, reúne os apaixonados por motocicletas. A estrela do encontro são as motos da marca americana que dá nome ao evento.


Voltar

Tiradentes e região

Gastronomia

Tiradentes destaca-se das demais cidades históricas mineiras pela diversidade gastronômica. Os restaurantes estão sempre cheios nos fins de semana. Além da comida regional, há casas especializadas em carnes e massas.

Voltar

Tiradentes e região

Artesanato

As peças de madeira e ferro produzidas nos ateliês de Tiradentes podem ser vistas na decoração das várias pousadas charmosas da região. O pólo de artesanato do distrito de Bichinhos produz quadros, móveis e esculturas com material recolhido em demolições. A prata e o latão são usados para fazer jóias, cálices, castiçais, vasos e cachepôs. Há uma infinidade de peças de cerâmica para serem usadas na cozinha ou apenas para decorar.

Voltar

Tiradentes e região

Arredores

SÃO JOÃO DEL-REI

O nome da cidade, fundada há mais de 300 anos, homenageia o monarca português Dom João V. Entre as atrações, o preservado casario colonial e a Igreja de São Francisco de Assis, construída na segunda metade do Século XVIII, cujo jardim tem imponentes palmeiras imperiais. Nos fundos da igreja fica o cemitério onde foi enterrado o ex-presidente Tancredo Neves, nascido na cidade. O Museu Ferroviário exibe 17 locomotivas, quatro delas ainda em funcionamento. A região é também um pólo de ecoturismo, com atividades como trekking, mountain bike e rapel. A animação do carnaval e as celebrações da Semana Santa atraem muitos visitantes à cidade.

CARRANCAS

Os campos, cavernas e cachoeiras do município localizado a 85 km de Tiradentes são o palco ideal para variadas atividades de ecoturismo. Como a exploração turística ainda é incipiente e a sinalização é precária, recomenda-se o acompanhamento de um guia que conheça a região.

BARBACENA

Com posição estratégica, no centro do eixo Belo Horizonte-Rio de Janeiro-São Paulo, a cidade tem muitas fazendas históricas. Localizada acima de 1.000 m de altitude, é grande produtora de rosas.

JUIZ DE FORA

Pólo de confecções, atrai compradores de diversas partes do estado e do país. Tem opções culturais como o Museu Mariano Procópio, com 45 mil peças do período colonial e do Império, e o Centro de Estudos Murilo Mendes, que abriga obras de artistas como Picasso, Miró, Magritte, Portinari, Ismael Nery e Guignard. Dois parques têm boas trilhas para passeio: o da Lajinha, com cachoeiras, campo de futebol, pistas de bicicross e churrasqueiras; e o do Museu Mariano Procópio, com um grande jardim, lago e pedalinhos.

SÃO LOURENÇO

O Parque das Águas reúne nove fontes minerais e centro hidroterápico, com várias opções de hospedagem e alimentação ao redor. São 12 mil leitos na rede hoteleira e 75 restaurantes e bares.

CAXAMBU

Uma das estâncias hidrominerais do Sul de Minas, reúne 12 fontes de água mineral. O parque conta também com casa de banhos, gêiser de água fria, lago, teleférico, jardins e alamedas. Há boa rede hoteleira ao redor do parque, favorecendo o turismo de negócios e eventos.

SÃO THOMÉ DAS LETRAS

Localizada a quase 1.200 m de altitude, cercada por vales repletos de matas, cachoeiras e grutas, é um ponto de convergência de esotéricos; segundo a crença, ela é uma das sete cidades do planeta escolhidas para receberem uma nova civilização.

POÇOS DE CALDAS

A cidade oferece uma variedade de atrativos culturais, como o Museu Histórico e Geográfico, as Termas Antônio Carlos (prédio que oferece banhos termais, inaugurado em 1931 e preservado com o mobiliário original) e o Palace Hotel, também erguido na década de 1930. A produção de artesanato é vendida na feira diária do Véu das Noivas e na feira que ocorre aos domingos e feriados na Praça dos Macacos.

MONTE VERDE

Distrito da cidade de Camanducaia, quase na divisa com São Paulo, no Sul do estado, é uma charmosa vila da Serra da Mantiqueira, com altitude de 1.500 m. A atmosfera romântica, que remete a cenários europeus, faz com que seja muito procurada por casais em lua-de-mel. Bem próxima a Campos do Jordão, já no lado paulista, oferece os mesmos tipos de atrativos que a vizinha famosa, só que em menor escala.

Voltar

Tiradentes e região

Acessos

Por via rodoviária

De Belo Horizonte: BR-040, BR-265.
De São Paulo: BR-381 (Fernão Dias), BR-265.

Por via aérea

Há vôos das cidades de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Ribeirão Preto (SP) para São João del-Rei, cidade vizinha.

Distâncias de Tiradentes

Belo Horizonte: 190 km
São Paulo: 480 km

Voltar